Maria - Vocês Estão no Caminho Certo?

Atualizado: 28 de mar.

Queridos filhos e filhas do planeta Terra! SOU MARIA!


Venho aqui hoje, mais uma vez, trazer todo o meu amor, todo o meu colo para abraçar cada um de vocês. Entendam meus filhos, qualquer mudança é complicada, situações inesperadas acontecem, problemas sérios acontecem, mas também muita coisa nova vem para a vida de vocês. O planeta está mudando aceleradamente, a cada dia Gaia se aproxima mais da Quinta Dimensão, e a cada passo que o planeta dá, esta caminhada se torna mais rápida.


É preciso meus filhos, que vocês tenham muito amor no coração, que vocês tenham muita paz, que vocês executem, vivam tudo aquilo que vocês já aprenderam. No momento do desespero, não esqueçam de nos chamar, não esqueçam de pedir a nossa ajuda. Nada podemos fazer sem que vocês nos peçam. É claro que cada um de vocês tem uma caminhada, e esta caminhada é diariamente, a cada hora, a cada minuto, a cada segundo, acompanhada pelos seus Mestres e seus anjos.


Aos anjos competem limpar o caminho à frente, para que aquela caminhada seja cumprida, para que coisas inesperadas tirem vocês do caminho. Mas isto também depende da vibração de vocês. Se vocês vibram baixo, se vocês se afastam das energias positivas, os anjos também se afastam. E aí coisas que não eram previstas na sua caminhada, acontecem, porque vocês as atraíram, e aí nada, nenhum de nós podemos alterar isto.


A proteção plena, a proteção completa, acontece quando vocês vibram alto, quando vocês estão seguindo um caminho correto ou pelo menos, fazendo muita força para se manterem neste caminho. Aí todas as proteções, todas as ajudas, todas as intuições são dadas para que vocês mantenham o caminho da evolução. O que vocês não podem esquecer é que o mundo não gira em torno de vocês. O seu planeta, a sua atmosfera, o seu meio é produto de todos. Então mesmo que você ande corretamente, vibre alto, faça tudo o que lhe ensinamos, o meio está aí totalmente incompatível com a sua energia; porque o meio não vibra alto, porque a grande maioria dos habitantes deste planeta vibram apenas medo, medo, medo. Então, como que vocês conseguem se manter ainda íntegros, com a vibração alta, se o meio, se aqueles que estão à sua volta vibram medo? Simplesmente não vibrem junto com eles, ouçam o que eles dizem, mas não escutem.


Simplesmente não metabolize o que foi dito, não sofra pelo acontecimento. Cada um neste planeta está colhendo neste momento, aquilo que é necessário para a sua evolução. Dentro da sua ótica, do seu conceito, você vê um irmão sofrendo e você acha aquilo um absurdo. Muito bem. Você sabe qual é a caminhada daquele irmão? Você sabe por que ele está passando por aquilo? Então quando você pensa que é um absurdo, você está julgando Deus, porque está permitindo que ele sofra algo que não merecia. Então este primeiro julgamento é contra Deus Pai/Mãe. Então não tenham este pensamento, ao verem um irmão sofrendo, simplesmente se o seu coração ficar tocado pelo sofrimento dele, envie luz; e que ele encontre o caminho para aprender aquela lição. É isto que vocês têm que fazer, não sofrer com ele, não sofrer por ele, apenas enviar luz e desejem que ele encontre o caminho, que ele aprenda a lição.


Muitos irmãos estão passando necessidades neste momento, devido à todo este contexto do seu planeta. Deixar um irmão com fome, isto não é lição. Pode ser uma lição para todos; dar o que comer para um irmão, não é tirá-lo da lição. Porque Deus Pai/Mãe não quer que seus filhos morram de fome. Este é um ponto delicado. Agora se vocês se compadecem de um irmão que passa fome, deem de comer, não julguem porque ele está naquela situação; deem o que comer. Este tipo de lição envolve outro sentimento, a solidariedade, que vocês também têm que praticar. Muitos têm tanto na mesa, que não dão valor ao que têm; desperdiçam, jogam fora, enquanto tantos passam fome. Então aprendam a dar valor a cada prato que vocês comem. Comprem o necessário para que não desperdicem, não joguem fora. Lembre-se, isto também é uma lição.


Então o momento é de aprendizado para todos, é necessário que se faça uma reflexão do que é lição e do que é solidariedade. Lembrem-se, ver um irmão como um irmão, não é fácil para vocês. Vocês foram ensinados a olhar apenas aqueles que vocês gostam, aqueles que são da sua família, dos seus amigos, dos seus colegas, o resto não importa, não significa nada para vocês. Onde o sentimento deveria ser exatamente o contrário, seria olhar cada um que vocês cruzam na rua a qualquer hora do dia, como um irmão, como um igual a você. Não importa se você é pobre ou rico, ou ele é rico ou pobre, ele é tão filho de Deus quanto você. Então por que achar que ali não há ninguém, que aquele que passou ao seu lado não é ninguém? Ele é um irmão.


Aprendam a olhar as pessoas com amor. Não com repulsa, não com inveja, não com ódio, não importa o que aquele irmão fez ou faz, vocês não podem julgá-lo. Se Deus Pai/Mãe não julga ninguém, por que vocês querem ser juízes? A caminhada daqui para frente terá que ser esta, porque somente assim, vocês vão encontrar, pouco a pouco, o

caminho do amor incondicional. Não há outra forma, não pensem que apenas falar: Eu amo incondicionalmente”, é o bastante. Porque nenhum de vocês ainda alcançou esta qualidade. Vocês ainda olham o outro com desdém, com nojo. Isto é amor incondicional? Não, não é. Então olhem para o outro com respeito, isto é amar incondicionalmente.


Não estamos pedindo aqui, que vocês simplesmente passem a abraçar, a beijar todos que encontram pela rua, isto seria um tanto ridículo, porque seria falso, seria grotesco.