Maria - Sejam as Luzes que Vocês Bradam

Atualizado: há 4 dias

Queridos filhos e filhas do planeta Terra! SOU MARIA!


Neste momento sinto meu coração ainda radiante, em poder estar junto de tantos filhos ao mesmo tempo. Foi magnífico e tenham a certeza, vocês não têm ideia do que foi provocado durante o encontro. Mas não vou ficar aqui relembrando o passado, o momento é o presente e neste momento é preciso que todos vocês tenham a mente firme e segura. Não se deixem abalar por nada, não se deixem abalar pelas notícias. Podemos garantir a vocês que muita coisa está sendo colocada para voltar o medo, para voltar o desespero. O equilíbrio de cada um de vocês é importante neste momento.


É como se hoje vocês estivessem dentro de um grande lamaçal, mergulhados nele. Mas se o seu corpo, sua mente, estão em equilíbrio, estão confiantes na Luz, a qualquer momento vocês poderão sair do lamaçal, tomar um bom banho e ficarão limpos novamente, sem que seus corpos tenham sido atingidos por aquele ambiente tão sujo e tão contaminado. Agora se você não vibra alegria, não vibra Amor, não vibra equilíbrio, a saúde do seu corpo se abala, porque estes sentimentos diminuem a vibração do seu corpo como um todo, abrindo as portas para as doenças. E aí aquele lamaçal encontrará o caminho para atingir o seu corpo e você ficará doente.


Meus filhos e filhas, nada temam, o mal ainda tem poder, tem. Tem poder de persuasão, tem poder de intimidação, tem o poder de trazer notícias falsas muitas vezes, para que haja o medo, para que o medo se espalhe novamente no planeta. Realmente eles estão desesperados, porque precisam fazer algo para que a humanidade como um todo, volte a ter medo, volte a ter medo de morrer, volte a ter medo da violência. Então como fomentar isto? Com ações extremamente esquisitas e estranhas, fazendo com que vocês tenham medo da própria sombra.


Como já temos dito aqui tantas vezes, não fomentem o medo, porque aquilo que você fomenta, você atrai. Então se você tem medo da doença, você quebra as suas barreiras e a doença chega. Você tem medo da violência, você quebra suas barreiras e a violência chega até você. Então meus filhos e filhas, olhem para o horizonte, lá tem um sol imenso, brilhando e atuando sobre este planeta. É claro que não é o Sol que vocês veem, O Sol de Alcyon está muito longe, vocês podem apenas vê-lo com os olhos da alma. Então, sempre que vocês se sentirem perdidos, com medo, temerosos de algo, fechem seus olhos e imaginem um planeta totalmente sem nada à sua frente, se veja no alto de uma montanha, olhando para o horizonte e vendo uma imensa bola de Luz, iluminando você.


Esta simples imagem formada em sua mente é capaz de milagres, é capaz de trazer o foco, é capaz de trazer a saúde, é capaz de trazer a crença de que nada lhe atingirá. Porque você é pura Luz! Meus filhos e filhas, vocês ficam bradando que são Luzes, vocês bradam que “A Luz Venceu”, vocês gritam, “Luz, Luz, Luz”, mas temem o que está do lado de fora. Temem o que é dito para vocês, fazem escolhas, julgam, criticam. Então de que adianta tantos brados de “Eu Sou Luz”? Quem é Luz não teme nada, quem é Luz não toma partido, quem é Luz não julga, quem é Luz não crítica. Filhos e filhas é preciso que vocês ajam da mesma forma que pensam, vocês sabem o caminho correto, mas seguem atalhos, buscam atalhos para agradar ao ego, para agradar ao outro e para satisfazer muitas vezes a si mesmo.

Vamos lá meus filhos e filhas, vamos escolher apenas Luz, mas vamos agir também como Luzes, não como sombras, é preciso neste momento que vocês emanem cada vez mais Luz. Não apenas pelo planeta, não apenas pelos seus irmãos, mas principalmente por você mesmo.


Gritar e bradar que é Luz é maravilhoso, mas se o interior estiver cheio de sombras, de nada adianta porque você não está emanando efetivamente o que está sentindo. Vamos emanar Luz, mas vamos ser Luzes, somente assim vocês efetivamente estarão dando passos largos naquele caminho. Não julguem o outro, não critiquem, olhem para o outro como espelho de si mesmo, porque ele é um irmão seu, você querendo, você gostando ou não. Ah, ele é diferente de você, em que? Apenas na aparência, porque no restante ele é exatamente igual a você. Vocês vieram do mesmo solo, vocês têm o mesmo pai, ambos têm a Centelha Divina.


Então em que vocês são diferentes? Na aparência, o que ela representa para a alma? Porque esta roupa que vocês vestem hoje, quando sua alma se libertar dela, ela apodrecerá, então ela não é nada. O que importa é a sua alma, é a alma do outro, são as almas que levarão para a eternidade o que viveram e aprenderam. Não a roupa, não este invólucro físico, ele serve apenas para fomentar muitas coisas boas, mas também muitas coisas ruins. Porque vocês foram ensinados a olhar apenas a aparência, a beleza, ao que lhes é agradável de olhar, todo o resto vocês torcem o nariz, vocês viram a cara, vocês não gostam.