Arcanjo Miguel - Sananda - O Cristo do Planeta

Queridos! EU SOU O ARCANJO MIGUEL!


Muito bem, essa semana vai ser um pouco diferente! Eu não vou ainda comentar sobre os Complementos das Cartas, então como tarefa, vou passar para todos vocês, que vocês leiam todos os complementos durante esta semana. Não eles são pequenos, não são tão grandes quanto as Cartas, mas eu preciso que vocês leiam todos para que na próxima semana, aí sim possamos voltar a comentar sobre as Cartas.


Hoje como eu havia comentado anteriormente, eu vou voltar a falar sobre Sananda. É como eu já havia dito para vocês, Sananda não é um assunto que falamos apenas uma semana, é um assunto longo e muito extenso. Então vamos lá, vamos aprender algumas coisas novas hoje!


Como já disse para vocês tudo começou da criação de nosso Deus Pai/Mãe, Eu, Rafael, Gabriel, Uriel somos dobramentos de nosso Deus Pai/Mãe. Muitos podem pensar que temos o mesmo poder que ele; não, não, temos alguns poderes dele; sim, somos parte dele, mas não o Todo. Então, nós temos cada um de nós as suas missões e tarefas; as suas responsabilidades.


Muitos outros seres de luz foram criados por nosso Deus Pai/Mãe, com poder, com trilhas a serem seguidas para a evolução do Universo. É como se para cada astro houvesse um responsável, aquele que estará sempre acompanhando toda a evolução daquele corpo celeste. E assim é feito; e assim tem sido feito. Para cada planeta habitado existe um ser de luz com muito poder, um ser de luz extremamente evoluído que passa a acompanhar toda a evolução dos habitantes daquele planeta.


Todos os seres nascem, como todas as almas; seres em que digo, que em algum ponto da sua caminhada, foram preparados para nunca encarnar, para serem apenas seres de luz, nunca passarem pelo processo da encarnação. E assim muito seres que vocês já ouviram falar, e muitos que vocês não ouviram falar, habitam todo o Universo. São almas extremamente evoluídas que têm o preparo necessário para atuar aonde foram designadas. Dentre essas almas está Sananda. Sananda no seu grau evolutivo, é um ser de altíssima dimensão, em que foi preparado e foi designado para ser “O Guardião”, vamos dizer assim, deste planeta, deste lindo planeta. E ele tem feito isso durante todo esse tempo.


O caminhar deste planeta aconteceu de acordo com as designações de nosso Deus Pai/Mãe, onde já contei aqui que este planeta era evoluído, e pela soberba, pela superioridade de alguns seres que se deixaram levar por sentimentos, não tão altos em frequência, vocês acabaram chegando a Terceira Dimensão; mas essa história já foi contada.


Então quando Sananda percebeu que o planeta, que ele tanto amava e que ele cuidava, se tornou um planeta de expiação, para que muitos seres de todo o Universo viessem para cá, ressoar esses sentimentos, em seu coração extremamente amoroso, ele pensou: “Bom de alguma forma eu tenho que ajudar esse povo, não vou deixar este povo tanto tempo seguindo este caminho!”. E ele foi se preparando ao longo do tempo, para encarnar aqui neste planeta. Não pensem vocês que isso foi fácil, nunca é fácil para um ser de alta dimensão se encaixar nesta dimensão tão densa. É como se... (eu gosto muito de representar as coisas por imagens porque acho mais fácil de vocês entenderem); então vamos dizer que a dimensão em que Sananda estava era puro ar, límpido, leve e que não havia resistência alguma. Muito bem. À medida que a alma vai descendo às dimensões inferiores, ela tem que ir se adaptando a densidade dessas dimensões.


Então é como se... (esqueçam que vocês não sabem respirar sem ter o ar; o exemplo que darei, eu preciso que vocês imaginem que vocês respiram em qualquer lugar, não precisão do ar para sobreviver); então digamos que Sananda ao descer para as dimensões inferiores, primeiro ele encontrou uma água cristalina que ele pode nadar vendo tudo, mas era água, já não era mais ar ,e a medida que ele ia descendo a água se tornava turva, cada vez mais turva, cada vez mais cheia de partículas até que ele submergiu em um grande campo lamacento.


Então é desta forma que eu quero explicar para vocês o que é a diferença de densidade. É claro que isto foi apenas um exemplo, mas é desta forma que a alma tem que se adaptar a energia tão densa desta dimensão. Então não foi uma coisa fácil, mas Sananda com seu amor imenso, como Guardião deste planeta, ele se submeteu à isso para ajudar o seu povo; o povo do planeta que ele guardava, e que guarda até hoje. E assim se inicia a história de Sananda neste planeta.


Muitos de vocês se perguntam como Sananda foi gerado, ele foi gerado através de... Ah, vou jogar por terra muita coisa que vocês aprenderam. Eu já tenho dito aqui para vocês que quando há a geração do..., a fecundação do óvulo, ali naquele momento uma alma é designada para aquele ser que ali virá. Então vamos lá, vamos cair o queixo, como vocês costumam fazer, quando tem algo muito diferente do que vocês acreditam. Sananda foi gerado como qualquer outro bebê; essa história de uma mulher virgem para ter Sananda é mais uma história de contos. Ele foi gerado como qualquer outro ser, mas tudo tinha que ser feito de forma a acreditar que ele era um ser puro e abençoado, e que ele foi gerado pelo Espírito Santo.


Muito bem, eu acho que isso não diminui nem aumenta a importância de Sananda perante vocês. Quem já leu as cartas, entendi muito bem que Sananda foi uma criança normal como qualquer outra, e um jovem extremamente rebelde, como qualquer outro adolescente. Se realmente Sananda tivesse sido gerado da forma tão sublime que as suas crenças fazem vocês acreditarem, ele seria um santo desde pequeno; ele faria milagres ainda bebê.


Mas não, ele se tornou uma criança normal como qualquer outra. E como eu já disse para vocês, não há vergonha no sexo e nem Maria deixa de ser mais pura só porque pariu Jesus, porque fecundou Jesus. A pureza não está aí, a pureza está no coração. Lembrem-se, quem leu as cartas sabe que Maria não aceitava o que Sananda dizia. Então cadê aquela pureza divina e maravilhosa que ela também deveria ter, para entender aquele filho que ela acabava de ter gerado, e que seria o Messias?


Eu não estou aqui denegrindo a imagem de Mãe Maria, Mãe Maria é quem ela é. Ela foi a mãe de Sananda na Terra. A alma de Maria é uma alma tão elevada quanto a de Sananda. Mas vocês têm que começar a desvincular o ser físico da alma. A alma é pura, a alma é elevada, o ser físico é um ser como outro qualquer aqui no planeta. Então tudo aconteceu da mesma forma que vocês. Quem quiser acreditar acredita, quem não quiser não acredita.


Muito bem, então Sananda foi fecundado e ali aquele ser recebeu a sua alma. Quantas provações Maria passou até ter aquele ser? E então se tudo fosse tão assim lindo e maravilhoso, tão preparado, Maria teria ficado numa grande pompa ou pelo menos num lugar seguro. É meus irmãos, tudo tem que ser contado para dar mais drama a história, para trazer mais pureza na história, para que vocês acreditem. Afinal o sexo é sujo; não é isso que pregam? Então como que Maria poderia ter sido submetida a isto? Não jamais. Só que eu já disse para vocês que isso foi uma forma de diminuir a força que vocês tinham. Então para mim esse assunto está fechado. ´


Muito bem. Então Sananda veio para Terra; assumiu o corpo daquela criança e daquele homem até muito tempo depois, sem ter nada a ver com aquele que seria dito o filho de Deus. Aí muitos vão perguntar: “Sananda, é o filho de nosso Deus Pai/Mãe?”. E eu respondo para vocês: todos vocês são filhos de nosso Deus Pai/Mãe. Vocês não têm a Centelha dele? Então todos são filhos dele. Não existe uma representação única de um filho de nosso Deus Pai/Mãe. Esta representação foi necessária para os dogmas da Igreja, não para nós. Sananda é um filho como outros “n” que estão pelo Universo, cuidando cada um dos seus planetas e astros. Todos têm a mesma evolução que Sananda. Então ele é filho de nosso Deus Pai/Mãe? Sim é, como “n” outros são; ele é a representação do mais por amor de nosso Deus Pai/Mãe para este planeta.


E aí vocês o chamam de Cristo planetário. Sim, podemos dizer que ele é o Cristo planetário porque ele quem toma conta deste planeta, quem briga por vocês perante o Conselho no Universo, Quem teve que ter muitos argumentos para que fosse permitida a sua encarnação aqui neste planeta? A sua alma sabia, que não ia adiantar porque ainda não era o momento, de todo o povo do planeta acordar, porém tudo foi muito bem planejado. Porque como eu já disse aqui, Sananda plantou a sua semente no coração de cada um de vocês. Agora vocês entendem, porque digo que todos neste planeta, independente de religião, têm a Centelha de Sananda em seu peito? Porque ele é o mestre deste planeta, então ele comanda à todos vocês. Ele tem cada um de vocês ligado à ele, independente da sua caminhada ou daquilo que vocês acreditam ou deixam de acreditar, da mesma forma que a Centelha de nosso Deus Pai/Mãe. Então vocês entendem a importância do que ele fez? Ele plantou uma semente de amor no coração de vocês.


Muitos acham que a sua vinda foi inútil, que ele morreu para salvar vocês e nada melhorou. Vocês não entenderam nada da vinda de Sananda para superfície do seu planeta. A intenção dele era exatamente essa, plantar esta semente; porque ele sabia que ele iria incomodar muito, aqueles que já dominavam o planeta, e que ele não ia conseguir que as pessoas simplesmente acreditassem no que havia sido dito por ele. Então ele veio, plantou a semente, e se foi. Ele sabia exatamente o que estava fazendo; ele não foi pego de surpresa. As palavras ditas na cruz, que as suas religiões propagam, jamais Sananda se voltaria contra nosso Deus Pai/Mãe, achando que ele o havia abandonado; isto seria próprio de um ser humano como vocês. Que quando sentem um sofrimento vocês bradam: “Pai você me abandonou?”. Jamais Sananda falaria isso, porque ele sabia exatamente que havia cumprido a sua missão aqui no planeta, de acordo com o definido por nosso Deus Pai/Mãe.


Então muita coisa, meus irmãos, foi acrescentado para dar mais sofrimento a passagem de Sananda na Terra. Para que vocês entendessem que ele se entregou para pagar os pecados do mundo. Que pecados? Que pecados? Nós vemos falhas, erros, não pecados. Pecado é quando existem regras, e se elas não são cumpridas vocês são castigados. Isso não existe. Ninguém é pecador. Vocês seguem o caminho que vocês escolhem, e recebem de volta tudo o que vocês fazem. Não existe um juiz sentado batendo o martelo, determinando o que vocês vão passar de ruim; tudo que vocês passam de ruim são vocês que semearam. Eu acho que isso já está bem claro, não vou ficar repetindo tudo de novo.


Então muita coisa que foi dita, foi para que vocês se sentissem amedrontados. “Somos culpados pela morte de Sananda, porque ele morreu na cruz para nos salvar!”. Não é isso que as escrituras falam? Não, ele morreu na cruz porque terminou o tempo da estadia dele aqui no planeta; ele cumpriu a missão dele, colocou a semente no coração de cada um. Pronto está feita a missão, e ele ascendeu novamente.


Então meus irmãos, tudo o que tem acontecido em seu planeta, tem sempre a supervisão dele, ele tem estado observando tudo o que acontece.


Amanhã falarei um pouco mais sobre esse processo; sobre como tudo foi acontecendo ao longo do tempo, até chegar aos dias de hoje. Porque se vocês estão hoje aqui me ouvindo, e acreditando que realmente aqui sou Eu, é graças a ele. Ele é o responsável por isso tudo. Então amanhã continuarei essa história.


EU SOU O ARCANJO MIGUEL! Estou aqui, tentando eliminar muitas crenças limitantes e erradas que foram postas para vocês; e espero que vocês se livrem delas.



454 visualizações

CNPJ - 29.898.085/0001-59 - Anjos e Luz Terapias - RJ

Copyright 2020 - Anjos e Luz Terapias - Todos os Direitos Reservados à www.anjoseluz.com