Arcanjo Miguel - Curando os Erros e Mentiras

Atualizado: 14 de jun.

Queridos! EU SOU O ARCANJO MIGUEL!


Quero encerrar essa semana hoje, falando de um assunto que para muitos é um problema muito sério: admitir que errou. O próprio ego de vocês foi ensinado, que vocês nunca erram, vocês são perfeitos, que tudo que vocês fazem é para sua autodefesa, para se livrarem de alguma coisa. Sempre vocês irão encontrar um motivo para justificar aquele erro. Erro? Para quem? Não para vocês. Erro? Alguém viu que você errou, mas para o seu ego não existe erro, jamais ele deixará você aceitar que errou. E tem pessoas que simplesmente brigam, explodem, criam situações extremamente complicadas, envolvem outras pessoas para manterem a sua opinião de que não erraram. “Não fui eu que fiz, eu não errei.”


Então posso afirmar para vocês, que a Luz está aí. Se vocês se aperceberem com muita atenção, vocês vão notar que tudo está vindo à tona. Que aqueles que pareciam santos, que pareciam tão perfeitos, que pareciam tão corretos...; o que está por debaixo da superfície está vindo à tona. A sujeira está vindo à tona. Nada mais fica escondido, muito menos as coisas escondidas pelos seus egos. Muita gente foi treinada, foi ensinada, foi educada a mentir, a sempre negar algo que tivessem feito que fosse errado aos olhos de alguém. E essas pessoas acreditam tanto nas suas mentiras, que elas passam a ser verdades; e cada vez mais, elas criam uma história mirabolante, para suportar toda aquela mentira.


Só que no momento atual a Luz está fazendo o quê? A Luz está quebrando esse gelo que vocês criam para esconder as mentiras, os erros, no fundo; para que eles não venham à superfície, para que ninguém perceba que vocês erraram. Sim, é como se vocês fossem apenas a ponta do iceberg e para os demais, todos lhe veem como uma pessoa corretíssima. Mas se quebrarem aquele gelo abaixo dos seus pés, verão que a sujeira e a podridão está lá embaixo. Porque esses sentimentos, apesar de muitos acharem que são sentimentos bobos, mentir é bobagem, errar é bobagem; são sentimentos pequenos, eles apodrecem ao longo do tempo, porque eles são energias negativas e estas energias, vão se acumulando e geram uma massa podre. E quando aquela camada de gelo é quebrada, isso tudo aparece, a podridão vem à tona.


Não estou falando aqui nenhum assunto novo, não estou aqui ensinando nada que vocês já não tenham ouvido. Porém é sempre bom relembrar determinados assuntos. Então hoje neste momento, aqui e agora do seu planeta, todas essas superfícies de gelo que vocês criaram sob seus pés e que guardam lá no fundo todas essas inverdades e as suas falhas, estão sendo quebradas, porque a Luz, derrete esse gelo e todas estão vindo à tona.


Então quando vocês erram, vocês acham que aquilo era o que tinha que ser feito naquele momento. Tudo que você passou justifica o que você fez. “Todo sofrimento que me causaram, justifica o que eu fiz.” E assim vocês vão se enganando, colocando no colo do outro as suas más atitudes, os seus erros, as suas mentiras. Como sempre, o outro ou os outros, sempre são os culpados de vocês terem cometido tais atos. E por que não pensar diferente? Por que não ver que aquele ato que o outro jogou na sua cara, seja um aviso, seja uma lição que você tem que aprender? Não, mas o seu ego é inflado demais e você não admite aprender nada, você já sabe tudo, você é expert em todos os assuntos. Então ninguém vai lhe ensinar nada, você sim, você é que ensina os demais. E você erra, você mente, você faz tudo para fazer valer a sua opinião, aquilo que você acha que é o correto. Mas que todo o resto ao olhar para você, está vendo escandalosamente que é uma mentira, ou para os demais que lhes julgam, estão achando que você está errado.


Então eu diria para vocês, que hoje, a cada minuto, o aqui e o agora, está mostrando a vocês as suas falhas, os seus erros, as suas mentiras, as consequências. Porque a Luz já quebrou aquela camada de gelo, então nada mais fica escondido. Vocês fazem agora, e alguns momentos depois, vocês veem o resultado dos seus atos, sejam eles corretos, sejam eles errados. Vocês ainda estão na Terceira Dimensão. Os sentimentos, o meio, ainda mexe muito com vocês. Mas será que é o meio que mexe ou ali está contida uma lição?


Mas mais uma vez vocês culpam o meio, vocês culpam os outros, por terem passado por aquele desequilíbrio. E aí eu volto a perguntar: Será que aquelas pessoas não foram instrumentos de uma lição a ser aprendida? De um momento de parada e de analisar o fato em si? Vocês nunca podem se esquecer, que tudo que chega em suas vidas, vocês plantaram algum dia; a colheita está acontecendo. Então nada vem por acaso, nada vem do nada, nada surgiu hoje e está chegando para você. Algum dia você plantou aquilo e hoje está recebendo de volta. Mas vocês não entendem, vocês acham que o mundo está contra vocês, vocês acham que as pessoas não entendem vocês. E aí vocês se desequilibram.


Mas quem foi que gerou isso tudo? Foram vocês mesmos, em algum ponto da caminhada. Pode ser que tenha sido nessa vida ou em outra, e vocês nem estejam entendendo onde plantaram isso, não importa, vocês plantaram; as suas almas plantaram e vocês hoje estão colhendo. Então nada do que acontece vem do nada. Tudo é consequência, é colheita do que vocês já plantaram um dia. Então posso afirmar a vocês, não há mais como esconder nada, não há mais como achar que suas mentiras e seus erros ficam impunes, que suas mentiras e seus erros passam despercebidos principalmente pelo Universo. Não, não passam. Porque como tudo está acelerado, como a própria Luz acelera tudo, o que vocês emanam agora, vai vir de volta rapidamente.


Vocês colhem algo, emanam um sentimento e a resposta vem logo a seguir. Não demora mais, não está demorando uma encarnação, uma década, um ano, um mês, um dia; às vezes é questão de horas para o retorno vir. “Ah, mas eu não pedi essa colheita!” Você não pediu, então por que plantou? Em algum momento da sua caminhada, você plantou e a colheita