Arcanjo Miguel - A Consciência Crística (Cont.)

Atualizado: 26 de mai.

Queridos! EU SOU O ARCANJO MIGUEL!

Vou retornar hoje, os comentários sobre os Textos Complementares, das Cartas de Cristo. Hoje vou falar, sobre o texto número 11: A Consciência Crística. Onde Sananda explica, exatamente o caminhar de uma alma. O que é a dita Consciência Crística? Sim, vocês encarnam aqui, na Terceira Dimensão, como já expliquei várias vezes, vocês ressoam com todos esses sentimentos, ou não. Alguns, se sentem atraídos por determinados sentimentos; outros passam por eles, mas aquilo não os impregna. É como vocês costumam dizer e fazer uma separação, dentro das suas consciências humanas, daqueles que optam pelo bem e daqueles que optam pelo mal. São sentimentos diferentes!

Quando falo: quem opta pelo mal, eu não estou aqui falando daqueles que seguem a magia negra, ou rituais satânicos; não estou falando neste sentido; estou falando no sentido dos sentimentos. Como podemos exemplificar estas pessoas? Pessoas extremamente egoístas, em que o mundo está centralizado, como vocês também costumam dizer: no próprio umbigo; só veem a si, só pensam em si, individualistas ao extremo, egoístas ao extremo. Tudo o que fazem, é sempre para o seu bem-estar. “Não importa o que eu causei ao outro. Eu penso e quero o meu bem-estar; o outro que se dane!”.

Então, podemos rotular esta pessoa como sendo, do outro lado do muro; porque é uma pessoa que não pensa no próximo; pensa apenas em si. E estas mesmas pessoas, são aquelas que se acham: autoritárias, dominadoras, pensam que podem manipular, podem escravizar, tudo contra o próximo; mas sempre bom para elas. Então, esses sentimentos fazem dessa pessoa, uma pessoa que ressoa com o outro lado do muro. Volto a afirmar: eu não estou aqui falando de rituais, eu estou falando em sentimentos positivos e sentimentos negativos.

Então, vou colocar um rótulo: quem ressoa sentimentos positivos, é do bem; quem não ressoa... quem ressoa sentimentos totalmente negativos, é do mal. Apesar de vocês, não terem este entendimento, este tipo de pessoa, extremamente egoísta e autoritária, jamais será uma alma do bem. Porque em nenhum momento, ela fará o bem a alguém; ela só pensa em si; e se puder usar e abusar dos outros, ela o fará para o seu próprio bem. Então, como que eu posso colocar essa pessoa do outro lado da balança? Não importa que ela, não esteja fazendo rituais, não importa. Porque, estes mesmos sentimentos que ela ressoa, atraem exatamente energias na mesma monta. Muito bem.

Da mesma forma, tem aquelas pessoas extremamente bondosas; que pensam no próximo todo o tempo, e muitas vezes, até esquecem de si, o que também está errado. Primeiro, vocês têm que pensar no bem-estar de vocês. “Está tudo certo? Está tudo pronto? Muito bem, agora eu posso pensar no bem-estar do outro. Jamais me sacrificar, em função do outro. Isto não está correto!”. Isto foi muitas vezes; disseminado e descrito pelas suas crenças limitantes, de que você deveria ser paupérrimo, para poder ajudar o outro. Passar fome, passar necessidade, só porque você quer se sentir exatamente igual aquele irmão que sofre; depende de que forma, você está encarando este sofrimento. Se isso é um castigo, para você mesmo, está tudo errado! Não é você quem tem que se castigar, pelo sofrimento do outro.

Eu já disse isso aqui: não sofram, o sofrimento do outro. O outro é outra alma, outro caminho, outra vida. Então, isto também está errado. Meus irmãos, em tudo há de ter o equilíbrio. Nem tanto para lá, nem tanto para cá; o equilíbrio. Muito bem. Então, o que é a Consciência Crística? A Consciência Crística, é aquela que mostra à alma, todos os sentimentos que ela deverá emanar, para que evolua. Porque, este é o grande objetivo de cada alma: a sua evolução. Nenhuma alma, foi feita para ficar amarrada em uma única dimensão; todas foram feitas para evoluir; e é por isso, que suas almas têm vários pedaços; para que aqueles pedaços mais acima, puxem os pedaços que estão mais abaixo; para que ela evolua como um todo. Que, como eu já disse: a dimensão em que a alma está, é a dimensão que ela é. De quê adianta, ela ter muitos pedaços em dimensões superiores, se ela tem um aqui na Terceira? Então, ela é uma alma de Terceira! Não importa que ela seja evoluída, ela é uma alma de Terceira.

Então vocês emanam todo tipo de sentimento. Eu não estou aqui, meus irmãos, querendo dizer que vocês são 100% bons, hein? Ninguém é 100% bom. Como também, ninguém é 100% mau. Mas pensem numa balança; em que cada sentimento bom, é colocado num prato e cada sentimento de baixa vibração, é colocado no outro. Ao final da sua existência, daquela encarnação, é feito uma medida, uma pesagem. De que lado, o prato estará mais pesado? Para o bem, ou para o mal? Se for para o bem, então você é uma alma tendenciosa à evolução; você é uma alma, que compreende os sentimentos negativos, mas que passa por eles, e pratica mais sentimentos positivos. Então você é uma alma, que ao desencarnar, será levada para estruturas superiores, para que a sua alma, continue o aprendizado. Sim, existem escolas no astral, que ensinam as almas exatamente, a melhorar, a evoluírem, e fazerem as escolhas que querem, para a próxima encarnação. O quê elas poderão fazer, para melhorar o planeta? Elas aceitarão, serem almas importantes? Serem almas conhecidas? Ou não? Preferem ficar no anonimato e fazer aquilo, bem vagarosamente; isto depende de cada alma.

Mas essas almas, são extremamente ensinadas a evoluir; a encontrarem o caminho da evolução. E é onde muitas entendem, tanto este caminho, que voltam, para se sacrificar de alguma forma. Sacrifício; não no sentido de sofrerem desnecessariamente, mas no sacrifício de voltarem para aplicar lições, para serem objeto de lições para outras famílias. Então é onde muitas almas retornam, em famílias de frequências totalmente diferentes, para que elas tenham a oportunidade, de ensinar aquelas pessoas; e mais, tenham a humildade de aprender com elas. Não é apenas, a superioridade de ensinar. Existe a humildade de também aprender, mesmo sendo uma alma mais evoluída. Este é o grande critério! Esta é a grande questão! E é desta forma, que as almas vão evoluindo.