Arcanjo Gabriel - Pratiquem o Amor Incondicional

Atualizado: 8 de jul.

Gosto de trazer boas novas! Sou o Arcanjo do equilíbrio, Gabriel!


Venho estar com vocês hoje, para manifestar a minha profunda alegria, com a aproximação da Nova Era. Uma Nova Era de amor, de paz, de saúde, prosperidade e total equilíbrio. Uma Era de puro amor, onde o amor incondicional, preponderá sobre tudo e sobre todos. Poucos de vocês, vive 100% o amor incondicional. Vocês não foram treinados, nem foram criados para isso. Ao longo das Eras, em que suas almas estão aqui neste planeta, tudo que lhes foi dito é que o amor verdadeiro, era como um conto, um romance, algo inatingível. Alguns experimentam o amor incondicional, mas não o experimentam na totalidade, porque junto dele, colocam uma série de ressalvas, como troca, como recompensa, como gratidão pelo amor oferecido.


O amor incondicional é aquele que apenas ama, não importa a quem está amando. Apenas ama. Não julga, não repreende, não condena; simplesmente vê o outro, como alma; e como um ser imperfeito, exatamente como aquele, que ama incondicionalmente. Sabemos que temos tentado fazer vocês viverem este amor, emanarem esse amor. Mas também entendemos, que para muitos de vocês é quase que impossível, pois o sofrimento, que em muitos até está entranhado na carne; vem de muitas Eras. Então é um sofrimento, que já faz parte do corpo, já faz parte da alma. Então simplesmente pensar: “Daqui para frente, eu vou amar incondicionalmente”; mas a cada dor sentida, vinda de um sofrimento, gera a dúvida. “Como posso amar incondicionalmente, se esta ferida não se cura, não cicatriza?”


Então vocês fazem esforços, vocês tentam, vocês praticam algumas vezes, mas não conseguem manter 100%. Muitos seres de luz têm tido voz nos últimos tempos. Podemos hoje, usar a linguagem que vocês usam, de uma forma muito mais fácil, pois passamos para os canais, a ideia e eles traduzem, em formas que vocês humanos consigam entender. Isto tem sido maravilhoso para nós. principalmente nós que nunca vestimos uma roupagem física. Entendemos o sofrimento de cada um, sabemos que tudo fez parte de um grande plano de Deus Pai/Mãe. E também sabemos, que muitas vezes exigimos muito de cada um de vocês. Pode ser que seja, porque como vocês costumam dizer, não nos colocamos no lugar de vocês.


Muitos não gostam, quando chamamos atenção, quando falamos um pouco mais enfáticos; eu diria até um pouco mais rudes; porque acham que não merecem, esse tipo de comportamento da nossa parte. Somente aquele que ama muito e que sabe qual é o caminho correto, age desta forma. Queremos colocar vocês no caminho mais fácil, mas muitas vezes, vocês não veem esse caminho. Então temos que ser um pouco mais ásperos, rudes, para que exatamente vocês fiquem. com esse sentimento de raiva contra nós. E será esse sentimento de raiva, que fará vocês pensarem a respeito. Estas são algumas estratégias que nós usamos, não podemos ser doces todo o tempo. Porque aquele que ensina, quando é exageradamente doce e calmo, os alunos dormem, não prestam atenção na aula. Porque a voz é tão cálida, a voz é tão suave, que é como uma cantiga de ninar. Então ninguém aprende.


Agora quando falamos de forma mais enfática, de forma rude, esse sentimento que isto provoca em vocês, é que faz vocês pensarem a respeito. Então muitas vezes temos que agir desta forma, para que vocês parem e pensem, as escolhas que estão fazendo. Amamos cada um de vocês incondicionalmente. Amamos aquele que segue um caminho iluminado. Amamos aquele que vocês chamam de assassino; da mesma forma. Não fazemos diferença, pelo contrário, aquele que vocês chamam de assassino, precisa até mais da nossa atenção e do nosso amor, do que aqueles que andam na retidão.


Isso vocês não conseguem compreender. Vocês acham que eles não merecem, por tudo que eles fizeram, como que nós ainda os amamos? Não temos julgamento, não há julgamento, há apenas resultado das escolhas de cada um. E se aquele ao qual vocês chamam de assassino, cometeu aqueles erros, ele receberá o resultado. Não é necessário, que nós o julguemos, nem o condenemos, porque ele irá receber o resultado das suas ações. Mas não seremos nós, que iremos fazer com que elas aconteçam; elas acontecerão pela própria roda da vida. Tudo que é feito, volta na mesma proporção.

E dependendo do que é feito, volta em proporções ainda maiores.


Então, o que quero vir aqui hoje dizer a vocês: Não se sintam melindrados, nem se sintam, não merecedores de ouvir algumas coisas. Todos vocês erram, todos vocês cometem enganos. Então não se ache superior aos outros e coloque-se no pedestal, de que... “Isso para mim não ressoa, porque eu não sou nada disso”. Nenhum de vocês pode dizer isso. Todas as almas encarnadas hoje neste planeta, têm máculas sérias e profundas na caminhada. Porque foram muitos anos, muitas eras, muitas formas de conquistas, de batalhas. Nenhuma alma aqui está limpa, mesmo aquelas que chegaram há pouco tempo, exatamente para este momento, já possuem algumas máculas também.

Claro, muito menores do que as almas que estão aqui há milênios.


Então, não se comportem como... “Isto para mim não serve!” Como vocês costumam dizer, a carapuça cai para todos vocês. Não fazemos distinção, não falamos para A ou B, falamos para todos. Aqueles que entendem, aceitam perfeitamente, e entendem que mesm