Arcanjo Miguel - O Bem e o Mal

Atualizado: 30 de Out de 2019


Queridos! EU SOU O ARCANJO MIGUEL!

Vamos dar continuidade à nossa aula de ontem. Então apenas relembrando, rapidamente.... Eu disse para vocês que ao criar as consciências, alguma combinação de fatores provocou sentimentos não previstos por nosso Deus Pai/Mãe. Através do instinto da sobrevivência, alguns seres não tiveram o menor problema, em matar o seu semelhante para que sobrasse mais comida. É como se o amor ao próximo, o amor à um irmão, tivesse sido banido daquele coração, daquela consciência. Como eu falei, mesmo assim, nosso Deus Pai/Mãe, achou que seria uma experiência interessante deixar que essas consciências evoluíssem. Seria um processo de testes, de evolução, onde aquelas consciências pudessem ser observadas, a forma como elas se comportariam no futuro.

Como já disse aqui, os seres povoam os planetas e ali, a raça pertencente à este planeta se iniciou. Então multiplique isso por todos os astros do Universo. E ao longo do tempo, essas consciências foram evoluindo. Algumas evoluíram de forma adequada, levando em consideração o amor ao próximo; e não se sentiam bem em matar o seu semelhante apenas para comer, para ter comida. Outras porém, com o passar do tempo, começaram a perceber que elas tinham um poder nas mãos; que o simples fato de eliminar um semelhante, dava à elas um certo poder. Naquele momento, elas não entendiam isso como um poder, elas apenas entendiam que... elas eram capazes de mudar o rumo daquele meio.

Então, começaram a pensar em estratégias, em formas de dominar outros seres, apenas ameaçando-os de morte. Então, começou a ser criado o sentimento da dominação. Eu disse, no vídeo anterior, que cada alma tinha a sua forma de ser, tinha a sua consciência, ou melhor, tem a sua consciência; e algumas eram extremamente aptas, extremamente capazes, gostavam de criar, gostavam de produzir, e outras extremamente, como vou dizer, sem vontade para nada; daquelas que querem ficar sentadas o tempo todo, apenas pensando em se movimentar para encontrar o que comer.

Lembrem-se, estou falando do início dos tempos. Muito bem. Então, algumas almas se sobressaiam mais sobre as outras, e normalmente essas que tinham esses sentimentos de lerdeza, de preguiça, começaram a perceber que poderiam ter outros fazendo as coisas para elas, na base da ameaça. Então começa a surgir aí, um sentimento de domínio e de poder. Não, não pensem que nosso Deus Pai/Mãe não acompanhava isso de perto, muito pelo contrário, cada vez mais ele estava mais atento; porque é como se as coisas fossem tomando rumos não esperados, em nenhum momento por nosso Deus Pai/Mãe. Mas como eu já disse, pelo seu amor infinito, Deus nunca admitiu em simplesmente eliminar uma parte de si, porque como já disse, todos têm a Centelha Divina, todos têm o amor de Deus em seus corações.

Então, Deus imaginou o seguinte: todas essas Almas que se desvirtuarem do caminho, sempre terão o direito de um dia se redimir e voltar a sentir aquele amor, aquele sentimento nato que nasceu com elas; não esses sentimentos que foram sendo mudados ao longo do tempo. Então esta foi uma lei criada por Deus, que cada alma tomasse o seu caminho, tomasse as suas próprias decisões, mas que a partir daí, haveriam as reações àquelas decisões; e aquela alma passaria a passar determinadas lições para aprender que aquele era o caminho errado.

Então, começa-se aí ao processo de evolução, pelas lições. A alma errou, muito bem, ela vai passar por uma lição para entender que aquilo é um erro, e terá todo o direito de se modificar. Então esta é a grande lei maior de nosso Deus Pai/Mãe: tudo que é feito tem sempre uma reação, tem sempre uma consequência. Se você faz o bem, a consequência é um bem maior; se você comete um erro, a consequência será, o que você criou a partir daquele erro; mas todos têm o direito de arrependimento e de voltar para o caminho.

Então assim ficou escrito, que todas as consciências seriam livres para pensarem e para sentirem o que quisessem. Não haveria mais limite, nem haveria formas de controle de consciência, para que isto não acontecesse mais. Deus não admitia isso. A criação dele era livre, não poderia ser controlada mentalmente, só porque estava no caminho errado. Ela teria sim, que perceber o erro e voltar para o caminho. Isso seria o grande feito da sua maior criação.

Muito bem. Então assim, o mundo foi se desenvolvendo. O Universo foi se desenvolvendo, e vocês podem imaginar aí, que essas consciências, aquelas dos primórdios, que apenas matavam pelo simples fato de ter mais alimentação, entenderam que poderiam matar pelo poder, pelo domínio, para a cobiça, por querer novas terras, querer dominar novos planetas, e por aí. A coisa foi acontecendo.

Mas vale lembrar aqui, como eu já disse também, que Deus tem o controle de tudo. Não se esqueçam que todos têm uma Centelha Divina ligadas ao Deus Pai/Mãe. Então ele sabe exatamente o que está acontecendo em cada ponto do Universo. Aí muitos fazem esta pergunta, até os dias de hoje: “Por que Deus permite isso? Por que Deus permite o sofrimento?”. Tudo meus irmãos, são lições; é evolução da alma. Não, a alma não tem que sofrer para evoluir, ela só sofre se segue o caminho errado. “Ah, mas, se uma alma é dominada por outra, onde que ela errou?”. Percebam, de alguma forma aquela alma deixou de ser forte; ela deixou de acreditar na força que tinha; e se deixou dominar.

Ninguém é fraco. Todos vocês são fortes Então quem se deixa dominar, também está cometendo um erro, porque ninguém pode ser dominado. Se nosso Deus Pai/Mãe não domina ninguém, porque que outro ser irá lhe dominar? “Ah, mas muitas vezes nós não temos escolha”. Concordo. Muitas vezes vocês não têm escolha. Mas quantas vezes vocês lutam contra? Quantas vezes vocês realmente se preocupam em sair dessa situação ou vocês por comodismo aceitam essas situações? Cada caso é um caso, meus irmãos. Não dá para generalizar; não dá para existir regras a esse respeito.

Mas o deixar-se dominar, também é um erro. Ninguém pode se deixar dominar. Ninguém. Concordo, que muitas vezes, trazendo para o paralelo do mundo de hoje, vocês não têm muitas escolhas, porque os seus governantes decidem e vocês simplesmente têm que acatar. Mas aí eu faço uma pergunta: “Quem colocou o governante lá?”. Ele não entrou sozinho. Vocês colocaram ele lá. Então percebam que vocês fizeram uma má escolha. Então tudo tem uma reação. A toda ação tem uma reação.

Então nem sempre, como vocês entendem, que vocês são os “coitadinhos”, “que vocês não pediram para passar por isso”, voltem um pouco no tempo e percebam se realmente não teve o dedinho de vocês nessa situação toda. Parem e analisem. Ninguém está no lugar errado. Todos estão no lugar certo, na hora certa. Então cada Alma nasce aonde pediu para nascer. Vocês não entendem isso. Porque vocês têm lições a aprender e aquela foi a melhor forma que a sua Alma encontrou de aprender a lição, estando naquele local, naquele momento; submissa àquele regime, àquelas pessoas. Isto acontece no mundo todo.

Mas não vou falar do mundo atual; estou falando do início dos tempos. Então percebam, que não existe uma entidade maligna que controla isso tudo. Isto foi uma forma, das suas religiões criarem o poder entre o bem e o mal. Não existe poder entre bem e mal. O bem sempre prevalece. Por quê? Volto a repetir: todos têm a Centelha Divina em seus corações, e Deus tem a chave, para acabar com isto tudo a hora que ele quiser. Só que pela sua infinita sabedoria e pelo seu amor imenso, ele permite que cada ser seja o que quiser; tenha a sua livre escolha, e arque com as suas consequências. Apenas isso. Mas não existe esse poder todo, que impõem ao dito Mal. Não existe uma entidade maligna que guerreia com Deus. Isto não existe. Isto é apenas uma figura que foi criada. Ela não existe.

“Ah, mas existe os seres com poder”. É diferente. Nós que somos seres de luz existimos também. Isto mais à frente eu vou explicar. Então percebam que não existe uma entidade maligna com força igual à de Deus, como muitas vezes fazem vocês acreditar. Não existe. Porque Deus tem o controle de tudo. Nosso Deus Pai/Mãe tem o controle de cada ser deste Universo, porque todos têm a Centelha Divina. Isso ninguém conseguiu mudar e nem conseguirá. Então não existe isso. Não existe esse embate entre duas figuras; uma branca e uma preta; o bem e o mal; isto não existe.

O que existe são seres que se acham com poder. Que...tudo bem até certo ponto têm poder, mas todos são filhos de Deus. Todos. Mesmo aqueles que têm o coração totalmente escuro pelas ações que já cometeram. Mesmo assim, lá no fundo do seu coração existe a Centelha Divina; ela não se apaga. Ela só se apaga quando a Alma morre. Eu já disse isso aqui também. Então ponham isso em suas mentes: não existe o embate entre o bem e o mal no mesmo patamar; isto não existe. Muito bem.

Continuando nos primórdios do Universo. Esses seres que percebiam que poderiam dominar os outros através da ameaça, do domínio, foram se aprimorando. Lembre, as consciências foram evoluindo, e a cada novo ser que nascia, aquela consciência ia evoluindo cada vez mais, como é no mundo atual entre vocês. A cada dia vocês aprendem novas coisas e vocês vão evoluindo. Muito bem. Não vou aqui citar, exemplos de planetas, exemplos de astros, de como os seres viviam. Naquele tempo, os seres só se preocupavam com a sobrevivência; em ter o que comer, pois eles sabiam exatamente que a falta da comida os fazia morrer; porque eles precisavam comer para sobreviver.

E aí muitos podem estar se perguntando: “O que era essa tal comida, que era tão rara naquele tempo?”. Sim, a comida era escassa, porque os astros ainda não estavam totalmente desenvolvidos. Não estou aqui falando em animais; eu estou falando no próprio planeta; nas coisas que o próprio planeta produzia, para que fossem, servissem de alimentação. Então vocês pensam que um planeta se monta de um dia para o outro? Isto é mais uma criança limitante que foi colocada na mente de vocês. Não, os planetas vão se transformando ao longo do tempo. Com o tempo tudo vai se multiplicando, e a superfície do planeta vai se moldando àquele habitat. Mas no início era tudo muito difícil, porque todos tinham que ajudar na criação daquele astro; não apenas planetas.

Então meus irmãos, com o passar do tempo, isto estamos falando em milhões e milhões de anos, tudo foi acontecendo e os planetas foram sendo finalizados, vamos dizer assim, em sua composição. Foram sendo adaptados à uma vida razoável, onde já não haveria mais necessidade de matar o outro para comer; já havia comida para todos. Muito bem. Mas só que aquele sentimento de domínio, de poder, começou a crescer no coração de alguns. E eles passaram a criar territórios. Neste momento já existiam os animais, e eles observavam que os animais costumavam delimitar os seus territórios. Eles acharam interessante aquele meio de sobrevivência.

Não, os animais não se atacavam; era um ambiente totalmente harmônico, onde ninguém se alimentava do seu semelhante; ninguém se alimentava de nada vivo. Apenas dos frutos e da terra; dos vegetais que vinham da terra. Então não havia essa ferocidade, essa maldade, até mesmo entre os animais. Não havia. Todos viviam harmonicamente. Cada um no seu meio, mas os animais também gostavam de ter os seus cantos, os seus locais, os seus grupos, e não gostavam muito que eles fossem invadidos. Muito bem, mas tudo numa convivência harmônica, sem grandes problemas.

E aí esses seres acharam interessante, essa forma de domínio, de ter um espaço, de delimitar seu espaço. E começou-se pensar em termos de posse: “Isto é meu. Este pedaço é meu”; e começou a surgir um novo sentimento de poder pela terra; poder pelo que se tinha, e que não era de ninguém; porque nenhum astro é de ninguém. Nada é de ninguém. Ninguém tem nada. Vocês não têm nada. Vocês têm para viver. Se vocês tivessem alguma coisa, quando este corpo físico fosse embora você levariam seus pertences junto, por que pertenceriam à vocês. Então vocês não têm nada. Nada pertence à vocês; somente a sua vivência; tudo que a sua Alma passou; o resto, nada é seu. O seu corpo físico morre e você não leva nada. Então nada é seu. Nada nunca foi de ninguém, mas eles entenderam que poderiam ter domínios, poderiam ter reinos, territórios.

Então muitos outros sentimentos começaram a aparecer. E aí nós vamos falar de uma série de modificações, até entre os animais; porque eles acharam por bem dominar também os animais. E é claro que os animais se revoltaram; é claro que os animais não aceitavam. Então, todo um desequilíbrio, daquela harmonia que havia, começou a acontecer. Lembrem, eu não estou falando de planeta Terra; eu estou falando em linhas gerais, porque todos os astros possuem os seus animais.

Aí antes que muitos perguntem: sim, os animais também possuem a Centelha Divina, porque eles também são criações de nosso Deus Pai/Mãe. Como não? E para que foram criados os animai,s? A função dos Animais em qualquer Astro, é manter o equilíbrio do próprio planeta, do próprio astro, porque os animais movimentam as flores; os animais comem os frutos; os animais carregam as sementes; os animais movimentam o solo do astro.

Então existe ali todo um equilíbrio. Quando eles são colocados no astro, existe um equilíbrio. “Ah, mas eles não se multiplicam além do que devem e acabam se tornando inconvenientes?”. Não, porque pelo próprio equilíbrio que havia, percebam o seguinte, os animais que se reproduzem mais rapidamente, morrem mais rapidamente. Então sempre houve um equilíbrio. A própria natureza se encarrega de manter o equilíbrio; não permitir que haja o excesso de nenhum animal.

Meus irmãos, isso existe em equilíbrio; tudo é muito bem planejado. Nenhum animal foi criado a troco de nada; pelo simples fato de ter sido criado. Ele teve um porquê. Só que vocês não veem os animais dessa forma, e o total desequilíbrio que existe hoje é simplesmente... vou dar o exemplo daqui da Terra, foi simplesmente causado por vocês, não por eles. Sim, eu vou dizer que com passar do tempo, os animais também adquiriram o hábito de atacarem outros animais; porque isto também fez parte da evolução da consciência deles. Da mesma forma que o homem percebeu isso, os animais também. Mas deixem de lado o fator sentimental, de que o animal mata por matar. Não, ele mata para sobreviver; porque ele precisa comer. Então isto existe também, um equilíbrio.

Então ao longo do tempo, os animais também aprenderam a se destruírem entre si. Isto também acabou contaminando os animais. Mas volto a repetir, tudo dentro de um equilíbrio passado por nosso Deus Pai/Mãe. Muito bem. Estamos falando de sentimentos, estamos falando agora de domínio. Então os seres, se achavam no direito de dominar todas à sua volta, inclusive os animais. E novos sentimentos foram nascendo nesses animais, porque tudo é uma evolução. Então os animais passaram a se defender. De que forma? Atacando os seres. Então aí acabou de quebrar mais uma harmonia; entre os seres e os animais.

Então é assim. É assim que tudo vem acontecendo ao longo do tempo; ao longo de eras. Todos os seres evoluem. Todas as Almas evoluem; e à medida que as Almas evoluem, elas vão se tornando mais sábias, porque têm acesso a maiores conhecimentos. Então amanhã, eu vou explicar como que esses, que se perderam, vamos dizer assim nos sentimentos, conseguiram ganhar tanta força.

Eu só peço à vocês uma coisa: o que estou passando aqui para vocês, é apenas uma forma de demonstrar à vocês alguns aspectos, para que muitas crenças limitantes sejam eliminadas. Eu não quero que ninguém aqui fique julgando o que aconteceu ou deixou de acontecer. Quem são vocês para julgar a sabedoria divina? Quem são vocês para achar que isso tudo está certo ou errado? Então, não cabe aqui, nenhum de vocês ficar achando que a atitude de Deus foi correta ou não. Você sabe qual é o maior propósito disso tudo? Vocês só conhecem um milionésimo, de tudo que realmente é o propósito de tudo.

Então não julguem. Não queiram se achar espertos demais para julgar tudo que aconteceu e achar que isso tudo está errado. Quem são vocês para isso? A única coisa que vocês têm que se preocupar, é, a todo instante, tentar voltar para os seus corações, aqueles sentimentos originais da sua consciência: que é o amor. Isso sim, é que vocês tem que procurar. Porque vocês já perceberam, que com toda essa história, todos os sentimentos ruins que foram sendo evoluídos ao longo do tempo, só trouxeram o quê? Sofrimento e a dor. Então, essa é a lição que vocês têm que aprender: que vocês têm que eliminar esses sentimentos, para que talvez no mundo, no futuro, possa ter banido totalmente do Universo, esses sentimentos. Imaginem. Isso seria possível? Pensem a respeito.

EU SOU O ARCANJO MIGUEL! Estou aqui, contando para cada um de vocês, a história do Universo, para que vocês comecem a analisar exatamente tudo isto que está aí, dentro dos seus corações.



150 visualizações
  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook Social Icon

CNPJ - 29.898.085/0001-59 - Anjos e Luz Terapias - RJ

Copyright 2016 - Anjos e Luz Terapias - Todos os Direitos Reservados à www.anjoseluz.com